Blog Guia Quatro Rodas

Aberta a temporada de trilhas no Parque Nacional da Serra da Bocaina

por guia brasil em
Techo da Trilha do Ouro, no Parque Nacional da Serra da Bocaina - Foto: divulgação

Trecho da Trilha do Ouro, no Parque Nacional da Serra da Bocaina - Foto: divulgação

Com o fim do período de chuvas, entre abril e maio, começa a época ideal para fazer as trilhas do Parque Nacional da Serra da Bocaina, uma das melhores regiões para trekking do país. O mar de morros em infinitos tons de verde, as cachoeiras e picos de até 2 mil metros de altura fazem do parque um verdadeiro playground para ecoturistas. Os grupos partem da paulista São José do Barreiro (a 286 km de São Paulo), onde fica a portaria do parque. A MW Trekking (12/3117-1220, www.mwtrekking.com.br) é a única agência da cidade que promove os passeios. Ir sem guia pode ser perigoso, já que as caminhadas exigem conhecimento da região. Há três trilhas com diferentes preços e níveis de dificuldade:

Cachoeiras de Sto. Izidro e do Paredão – um veículo 4×4 sai do Centro de São José do Barreiro rumo ao parque. O passeio leva à cachoeira de Sto. Izidro, onde dá para nadar no poço e tomar sol na prainha que se forma do lado direito da queda d’água. Depois, as paradas são na cachoeira do Paredão e em uma rampa de decolagem de voo livre, com bela vista para a Serra da Bocaina. No fim da tarde, um almoço no fogão a lenha é servido na Pousada da Floresta. Grau de dificuldade: médio Preço: R$ 98

Trilha do Ouro – Os 53 km do caminho usado no século 18 para escoar o ouro de Minas Gerais até o Porto de Mambucaba, em Angra dos Reis, são percorridos em três dias. No percurso, são visitadas as cachoeiras de Sto. Izidro, Posses e do Veado. Os dois pernoites são em casas simples de colonos, com jantar incluído. O passeio termina no encontro com o mar em Mambucaba. O pacote inclui traslado entre a cidade e o parque (mas não entre Mambucaba e Barreiro), refeições, lanche de trilha e seguro de viagem. Há três possibilidades de retorno para São José do Barreiro: ônibus, motorista que leva seu carro até Mambucaba (ambos pagos à parte) ou no carro da MW Trekking (R$ 150, vagas limitadas). Grau de dificuldade: alto Preço: R$ 492

Caminhada ao Pico do Tira Chapéu – é o cume da Serra da Bocaina, com 2 088 m de altitude. Os percursos são longos e difíceis. Dos mirantes do caminho, é possível avistar a Serra da Mantiqueira, a represa do Funil e as baías de Angra e Parati. O pacote, que dura todo o fim de semana, dá direito a refeições, pernoite em pousada, guia e seguro. A subida até o pico é feita no sábado. No domingo, você recarrega as energias na cachoeira de Sto. Izidro. Grau de dificuldade: alto Preço: R$ 498

Por Mirela Mazzola

Comentários (1)
Deixe seu comentário
Nome
E-mail
Comentário (Seu comentário mínimo 5 caracteres )

  • Por: Marcos
  • -
  • 6 de julho de 2010 at 20:57

Vai anotando