São Francisco de Paula

Cidade

Mapa
Ver no mapa:
|
|
 
PREVISÃO DO TEMPO

Fonte: Climatempo

Chamada de São Chico por seus habitantes, São Francisco de Paula tem ótimas hospedagens e é ideal para quem quer curtir a Serra Gaúcha sem o glamour e a badalação das vizinhas Gramado e Canela. Para se aventurar na natureza, escolha entre o Parque das 8 Cachoeiras e o Parque das Cascatas.

COMO CHEGAR

Saindo de Porto Alegre, pegue a RS 020 até São Francisco de Paula, passando por Cachoeirinha e Taquara. Quem vem de Gramado e Canela pela RS 235 deve ficar atento à nebulosidade: a estrada é muito bonita, mas costuma ter muito nevoeiro.

COMO CIRCULAR

A região central, na Avenida Getúlio Vargas e Júlio de Medeiros se concentram as compras, como artigos em couro. Próximo do centro tem o parque das cachoeiras, a 4 km do centro. A 75 km está o parque das cascatas, em Lajeado Grande. Para chegar, pegue a RS 020 até Tainhas, dobrar à esquerda na RS 453, seguindo até o distrito de Lajeado Grande.

ONDE FICAR

A charmosa Pousada do Engenho reserva uma estadia confortável em cabanas. Já na Pousada Parque das 8 Cachoeiras, o hóspede tem acesso livre para conhecer as cascatas. Para mais dicas de hospedagem, veja a seleção do GUIA QUATRO RODAS.

ONDE COMER

Experimente o churrasco na vala, um clássico das fazendas da região. Há opções de restaurantes econômicos, como a Casa da Dinda, que serve rodízio de galeto, e o italiano Pasta Nostra, localizados no Centro. Para mais dicas de restaurantes, veja a seleção do GUIA QUATRO RODAS.

SUGESTÕES DE ROTEIROS

2 dias – Com dois dias de viagem, reserve tempo para fazer compras no Centro. No outro dia, aproveite para fazer a Trilha das Oito Cachoeiras. A trilha mais curta, de apenas 20 minutos, leva até uma queda e um poço para banho. A mais longa, de cinco horas, leva até as Gêmeas Gigantes.

4 dias – Com mais tempo, conheça o Parque das Cascatas, a 70 km de São Francisco de Paula. O ingresso dá direito a usar piscinas naturais, quadras poliesportivas e churrasqueiras. Aproveite para esticar a viagem até Cambará do Sul para conhecer o Cânion Itaimbezinho.

QUANDO IR

Durante o inverno, quando as temperaturas estão mais baixas.

Comente