Valle Nevado

Cidade

Mapa
Ver no mapa:
|
|
 
  • www.vallenevado.com
  • 2
  • -1h (horário de Brasília)

  • Santiago 64 km

Ver outros destinos em Chile »

A uma hora de Santiago, o resort de Valle Nevado abriga uma estação de esqui com 39 pistas com quatro diferentes níveis de dificuldade e catorze teleféricos para subir aos setores exclusivos para prática do esporte, incluindo a primeira telecabine do Chile. No total, o visitante conta com 40 quilômetros de pista espalhadas por uma área esquiável de 900 hectares.

A programação de entretenimento do resort inclui piscina aquecida animada por DJ, spa, lojas para aluguel e venda de produtos para neve, espaço infantil e até uma sala de cinema. É possível também fazer aulas de esqui em uma escola que conta com noventa instrutores, alguns deles dominando bem o português. Para quem quiser passar mais de um dia, há um hotel com acesso direto às pistas e outros dois a poucos metros dos setores de esqui, cujas diárias incluem também meia-pensão. Para grupos, uma boa pedida pode ser alugar apartamentos mobiliados para até oito pessoas.

COMO CHEGAR

Localizado a apenas 30 km de Santiago e 60 km do aeroporto, o percurso de carro ou van cordilheira acima leva cerca de 1 hora e 1h30, respectivamente. O tralado pode ser feito em veículos que levam até 6 pessoas através do telefone 56(2)477-7705 ou pelo email reservas@vallenevado.com. A viagem custa CH$ 189.000 (cerca de US$ 350).

Para os mais abonados, há a possibilidade de acessar o vale rapidamente com um helicóptero. As reservas podem ser feitas com os mesmos contatos acima.

ONDE FICAR

Há três hotéis na área (www.vallenevado.com). Os pacotes semanais incluem cadé da manhã, janar e passe para os teleféricos durante todos os dias. O Hotel Valle Nevado é o mais caro, com quartos espaçosos, e o mais próximo às pistas, no esquema ski-in e ski-out. Numa categoria intermediária está o Hotel Puerta del Sol, cujos quartos com varandinhas têm preços mais elevados no lado com vista para as pistas. Quem opta pelo econômico Tres Puntas terá à disposição beliches e opções de refeições mais simples. Para famílias numerosas ou grupos, vale a pena perguntar sobre a disponibilidade dos apartamentos com cozinha nos edifícios Valle del Sol e Valle de la Luna, que também fazem parte do mesmo complexo. Um pouco mais afastados, a pequena e classuda La Parva e El Colorado também possuem opções de hospedagem.

ONDE COMER

São dezenas de opções de restaurantes, bares e cafés, que vão de simples locais para um lanchinho -- repleto de sanduíches, salgadinhos e lanches rápidos -- a alternativas mais substanciosas. O La Fourchette, recentemente reformado, oferece bons pratos mediterrâneos, carta de vinhos interessante e vistas privilegiadas do vale. Já o Mesón de los Andes, é um dos mais altos da região. Prove uma sopa por ali, entre belas paisagens. Bares também estão disponíveis para happy hours e bem vindos coquetéis para espantar o frio.

Informações ao viajante
  • Espanhol
  • Pesos Chilenos
  • 800-360-220 (Entel) ou 800-800-272 (Telefônica)
  • Não é necessário
  • Para entrar no Chile, nenhuma vacina é obrigatória
  • SES, Qd. 803, lote 11, Brasília (DF)
    61 2103-5151
De junho a outubro é a temporada de esqui.