Typhoon Lagoon

Passeio

Typhoon Lagoon  - Foto: Divulgação

O navio pesqueiro Miss Tilly foi parar em cima do Monte Mayday depois que um tufão destruiu o pequeno vilarejo que ali existia, dando origem ao parque aquático.

Essa é a historinha contada pelos imagineers (os criativos engenheiros de atrações que bolam todos os brinquedos da Disney) para explicar a origem do parque e justificar, assim, seu desenho tão maluco, com árvores tortas para todo lado. Inaugurado em 1989 com um perfil bem familiar (os que buscam tobogãs muito radicais podem ficar um pouco desapontados), tem como um dos grandes diferenciais em relação ao Blizzard Beach (o outro parque aquático do complexo) uma ala com corais e peixes de verdade (e até tubarões e arraias!), que podem ser vistos por quem faz snorkeling.

Mas, claro, não faltam os clássicos: Castaway Creek (o rio relaxante, com cavernas e cachoeiras, por onde se "navega" sobre uma boia), Ketchakiddee Creek (o playground para crianças de até 1,22 metro) e Surf Pools (a gigantesca piscina de ondas artificiais, na qual, aliás, é possível ter aula de surfe antes da abertura do parque). Tem algumas lanchonetes, um bar e também uma área para piquenique. Quem quiser mordomia pode reservar uma cabaninha privada com garçom e tudo.

Comente