Como conseguir uma mesa no Tickets e no 41o, os novos bares de Ferran Adrià em Barcelona

Tickets: se você vier em agosto, ainda pode se garantir

Um dos balcões temáticos do Tickets, um dos novos bares dos irmãos Adriàs

O interior do Tickets: informal e alegre

“Não é o melhor bar do mundo, mas sim um bar para todo mundo”, disse Ferran Adrià ao explicar o conceito do seu novo bar de tapas Tickets, inaugurado em março deste ano na avinguda Paral-lel, em Barcelona, em parceria com seu irmão Albert. A ideia inicial era genial: que qualquer um encostasse em um dos seus 6 balcões (cada um com sua especialidade: frutos do mar, pão com tomate, petiscos mais elaborados, bebidas, etc) e pedisse o que tivesse vontade, como em qualquer bar da cidade. Afinal de contas, “o tapeo é um modo de vida”, segundo suas próprias palavras. A mesma política democrática se aplicaria ao 41o, o cocktail bar anexo ao Tickets, que também serve snacks importados da carta do El Bulli.

Criadores e criatura: Albert e Ferran tomando uma cañita de Estrella no Tickets

41 grados: mais escurão, com veia boêmia e os snacks do El Bulli

Com a prática, porém, revelou-se o óbvio: nada seria capaz de conter a multidão famélica por suas azeitonas que explodem na boca, pelo melhor corte de jamón joselito, pelos raviólis líquidos. Sem um método mais rígido de organização, seria impossível atender à demanda com dignidade.

A obrigatoriedade da reserva, algo que vai totalmente contra a política democrática das tapas (o falecido Inopia, de Albert Adrià, e o Tapaç 24, de Carles Abellan, sempre implicaram filas como aperitivo), gerou polêmica. E que cada um sente-se em um local determinado também fez micar o conceito original de “mercadão”, segundo o qual cada um encostaria no balcão “temático” que bem entendesse. Hoje em dia os clientes são sentados aleatoriamente em qualquer um dos bares, sem poder escolher, mas podem pedir petiscos de todos eles, por um cardápio que segue uma ordem sugerida pela casa (nada o impede, porém, de começar com petiscos mais sofisticados e terminar com ostras, fazendo o caminho inverso).

Veja também: Dossiê de dicas de Barcelona

A impressão é a de que os irmãos quebraram a cabeça até chegar a uma solução intermediária. Se o bar não é mais para todos, que seja para quase todos. Funciona da seguinte maneira: só é possível reservar para os 90 dias seguintes à data corrente. E a cada 24 horas, à meia-noite, abrem-se mais 100 vagas para o Tickets e 100 vagas para o 41o. Não há fila de espera, nem reserva telefônica. Todo o processo é grátis e on-line.

Veja o passo a passo:

Clique no botão de reserva, no canto esquerdo em cima da home page do Tickets (para o 41 grados, funciona da mesma forma, começando pela home page do bar)

Aparecerá um calendário: não se iluda com as datas marcadas em negrito (segundo as instruções, seriam as datas livres, mas na prática não quer dizer nada). Selecione uma data.

Agora escolha uma hora (ainda não se iluda)

Fom, fom, foooom: a data que você queria está ocupada. Comece tudo de novo.

Bingo! Quando há uma mesa livre, aparecerá um formulário. Bastas preencher e em segundos você receberá a confirmação por email. Imprima e guarde no cofre. No teste de hoje, foi possível encontrar mesas para o dia 3 de agosto.

O resultado é que, ao contrário do que acontecia no El Bulli, onde formavam-se filas de anos, agora a esoera máxima é de três meses — pelo menos em teoria. Se você se programar com um trimestre de antecedência, e voar para o computador logo após as doze badaladas da meia-noite (na Espanha), consegue reservar na boa. Parece surreal em se tratando de bares, mas lembre-se que o Ferran Adrià é uma lenda viva, uma celebridade de primeiro escalão, como Madonna ou Mick Jagger. Você não compraria um ingresso para ver os Rolling Stones com um ano de antecedência?

Agora o ACHADO: pelo menos por enquanto, não é difícil reservar uma mesa no 41o, e é lá que você encontra as criações ferranadrialescas mais geniais, que são os snacks importados da carta do El Bulli! Além do mais, depois das 23h, funciona como um bar normal, servindo só bebida. Talvez por causa do marketing, que tornou o nome Tickets muito mais conhecido, talvez pelo fato de um cocktail bar não ser adequado para todo mundo (vovó e crianças, por exemplo), a verdade é que muitas vezes se consegue reserva para a mesma semana, ou até o mesmo dia! Ontem mesmo fiz o teste e havia uma mesa sobrando em plena quinta à noite, acreditem!

Snacks do El Bulli no 41o: reservas muito mais fáceis!

OUTRA DICA: vale tentar insistentemente para vários dias, porque acontecem muitas desistências no meio do caminho. Logo mais, postarei detalhes sobre um happy hour no 41o.

Veja mais sobre tapas:

A rota das melhores tapas da cidade

A rota dos melhores bares da tapas da Barceloneta

Siga @drisetti no Twitter

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.