Diversão e masoquismo adolescente no Portaventura

Neste último sábado, resolvi achar que tenho 15 anos e, com um grupo de mais 15 marmanjos trintões, passei um dia sado-masoquista testando os meus limites e colocando à prova o meu corpo cansado de guerra. Não tenho uma explicação palpável para que uma pessoa que sofre de vértigo (como revela a minha cara de pânico na foto, com dedinhos do pé contraídos e tudo) se submeta a despencar em queda livre de uma altura de 100 terroríficos metros. Mas fiquei feliz da vida ao descobrir que a emoção e o prazer de girar 8 vezes de ponta cabeça e coisas do gênero é a mesma aos 15 ou aos 30 anos. Com a diferença de que, aos 30, uma pastilha de iboprufeno é indispensável para fazer o cérebro voltar ao lugar depois das atrações mais radicais.
O parque Portaventura fica a 1 hora e 15 de trem, de Barcelona (saindo das estações de Francia, Passeig de Grácia e Sants). A passagem de ida e volta custa 11 euros. Como o último trem de volta é às 21:04, vale a pena alugar um carro se quiser aproveitar o parque até a sua hora de fechamento aos sábados, à meia-noite. A entrada para adultos sai por € 37 a € 39. Mas, atenção, o parque vive fazendo promoções de descontos. Atualmente, juntando 10 rótulos das cervejas Estrella, paga-se 20 euros menos (só uma promoção de cerveja me arrastaria a um parque como estes…). Se puder, evite os finais de semana, quando as filas beiram o insuportável.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.